Blog

especialização

Fazer Especialização ou Mestrado Depois da Faculdade?

Para quem gosta de estudar e se preocupa com a sua própria trajetória profissional, a dúvida sobre fazer uma especialização ou um mestrado é frequente. Mas, independentemente da sua escolha, saiba que você estará no caminho certo para continuar relevante no mercado de trabalho.  

De acordo com uma pesquisa realizada pelo ManpowerGroup, maior empresa de contratação de pessoas do planeta, que consultou 39,1 mil empregadores em 43 países e territórios, quase metade das empresas do mundo (45%) tem dificuldade para encontrar pessoas qualificadas. Por isso, ao investir na sua formação você já estará na frente de outros candidatos e apto para o mercado de trabalho. Confira neste texto um pouco mais sobre as diferenças entre um curso de especialização e um curso de mestrado, as vantagens desse tipo de formação, as áreas mais promissoras e algumas dicas para economizar ao investir nesse tipo de formação.  

O seu salário rende mais com um curso de especialização

Se os empregadores buscam profissionais qualificados e não acham opções no mercado, a boa notícia é que eles também pagam mais quando encontram profissionais com um bom nível de formação. 

De acordo com um levantamento da Catho, quem atua em cargos de coordenação e possui uma especialização pode aumentar o seu salário em até 53,7%.  No entanto, esse percentual pode variar bastante considerando a sua escolha entre um curso de pós-graduação ou um mestrado. 

Preste atenção nos números apresentados pela pesquisa da Catho antes de escolher o seu caminho:

- Cargos de diretor e gerente:

- Com pós-graduação ou MBA: 47,2% a mais no salário;

- Com mestrado: 2,8% a mais no salário.

- Cargos de coordenador e supervisor:

- Com pós-graduação ou MBA: 53,7% a mais no salário;

- Com mestrado: 47,4% a mais no salário.

- Cargos de analista:

- Com pós-graduação ou MBA: 14,7% a mais no salário;

- Com mestrado: 118% a mais no salário.

especialização

Como é um curso de especialização e quando começar essa formação?

Sabendo o quanto o seu estudo pode render, é importante saber também as diferenças entre um curso de especialização e um mestrado. A primeira opção tem base técnico-profissional, ou seja, vai aprofundar os seus conhecimentos em uma determinada área para potencializar tudo o que você já aprendeu no seu curso de graduação.

Vale ressaltar que a especialização não precisa ser feita apenas dentro da sua área de atuação. Por exemplo, é possível fazer uma especialização em inteligência competitiva e inovação tendo uma graduação em qualquer área de conhecimento. 

Isso porque para se inscrever em cursos como esse você precisa apenas ter o interesse em atualizar e aprofundar os seus conhecimentos em marketing e comunicação para empreender ou vender mais.

A especialização também é versátil. Pode ser cursada tanto por alguém que já está há algum tempo no mercado quanto por um recém-formado. Esse tipo de curso tem duração média de dois anos. 

Além de frequentar as aulas do curso, para finalizá-lo será necessário fazer um trabalho de conclusão sobre um tema dentro da área de conhecimento específica, o que aumenta o seu contato com o mercado de trabalho e abre possibilidade de pesquisa para encontrar outras formas de atuação.

Especialização para gestores

Provavelmente você já ouviu falar em MBA. Esse tipo de curso nada mais é do que uma especialização direcionada para uma área específica: a de Negócios e Administração (Master in Business & Administration). Ou seja, esse tipo de curso é voltado para quem quer sair na frente e ingressar mais rapidamente em uma área de gestão.

O MBA Executivo é um curso com forte conexão profissional e indicado para aqueles que já estão inseridos no mercado de trabalho. Com ele, você aprenderá sobre como se tornar líder, identificar os pontos fracos e fortes de sua equipe, aprimorar habilidades de gestão e resultados e a aplicar novos métodos.

A especialização em MBA Executivo também abre outras portas no mercado de trabalho, já que durante o curso é possível participar de palestras com executivos atuantes em grandes empresas, melhorando o seu networking. 

Conheça algumas áreas de estudo dos cursos de MBA:

- Liderança e gestão para alta performance: para executivos adaptados às novas práticas de liderança voltadas para melhor performance, ajudará você a ser cada vez mais eficiente nos processos críticos de sua empresa.

- Acreditação e gestão da qualidade em saúde: para gerenciar com alto desempenho a qualidade de pessoas e processos em ambientes de saúde, com conhecimento a respeito das normas da Anvisa e dos órgãos certificadores de acreditação e qualidade em saúde.

- LL.M. em Direito Empresarial: proporciona uma sólida formação nas questões corporativas e tributárias, tornando o participante apto a implementar estratégias de reestruturação e tributação, além de dominar os aspectos complementares da atividade empresarial.

- Compliance e gestão de riscos: para ter uma sólida formação em gestão de riscos corporativos e como implantar programas de compliance.

- Gestão da economia criativa: proporciona uma sólida formação em projetos e negócios voltados para o mercado da economia criativa, contribuindo para o desenvolvimento dos líderes desse setor.

- Gestão estratégica de negócios e inovação: tem como foco o desenvolvimento de empreendedores e gestores que procuram aprimorar seus conhecimentos sobre gestão de empresas e negócios.

- Gestão financeira e estratégia corporativa: para ampliar a capacidade de avaliar e interpretar informações financeiras, gerenciais e estratégicas com um conteúdo atual.

Especialização por um preço acessível

Desenvolver a sua carreira não precisa pesar no bolso. Na Estácio, por exemplo, é possível acessar cursos de especialização com até 60% de desconto na mensalidade. 

Além de uma mensalidade que caiba no seu bolso, existem vários outros requisitos que você deve levar em consideração na hora de escolher um curso de especialização. 

Veja os diferenciais da Estácio e, depois, compare com outras instituições do seu interesse: 

- Tradição: mais de 70 mil pós-graduados em todo o Brasil;

- Capilaridade: diploma reconhecido em todo o Brasil;

- Flexibilidade: cursos presenciais ou a distância;

- Qualidade: cursos muito bem avaliados pelos próprios alunos;

- Corpo docente qualificado: professores com grande experiência no mercado.

Modalidade em alta: o ensino a distância pode ser mais flexível e barato

No caso dos cursos de especialização, você tem outra vantagem: pode escolher entre um curso presencial ou optar pelo ensino a distância. A primeira opção você conhece bem. É aquela onde você precisa sair de casa e ir até uma instituição de ensino para ver aulas e interagir com o colegas. Essa realidade não muda muito quando o assunto é o ensino a distância. 

Afinal, o ambiente virtual de aprendizagem funciona como uma grande instituição de ensino onde você vai encontrar os professores, assistir às aulas e ainda conversar com os colegas de classe, tudo usando a internet.  

Os conteúdos da sua especialização estarão disponíveis em formatos de vídeo, áudio e outros materiais virtuais. Então, quem trabalha oito horas por dia e tem uma rotina puxada pode ter essa facilidade de acessar o conteúdo de qualquer lugar e em qualquer horário. 

Confira algumas das vantagens de optar por uma especialização EaD:

 - Flexibilidade: o aluno fica confortável para organizar suas horas de estudo em casa, durante o seu tempo livre, ou utilizando o tempo gasto no trajeto que faz da casa até o local de trabalho, por exemplo;

- Custo reduzido: diferentemente das aulas presenciais, que pedem um espaço físico, o ensino a distância custa menos porque funciona em ambientes virtuais. Além disso, você não precisa gastar tempo e dinheiro para ir até uma instituição de ensino, economizando, dessa forma, com o transporte e os deslocamentos;

- Contato direto com os professores: para se relacionar com professores e outros alunos você terá acesso ao chat online para upload de suas avaliações e pesquisas. É por esse canal que o professor analisa o material que você produziu, corrige os seus trabalhos e devolve tudo para você.

especialização

Como é um curso de mestrado e quando começar esse tipo de formação?

Existem duas opções quando o assunto é o mestrado: profissionalizante e acadêmico.

No entanto, de forma geral, o curso de mestrado serve para dar continuidade e prolongar o estudo já iniciado na graduação. 

A duração de um curso de mestrado é de aproximadamente dois anos e, em alguns casos, será necessário produzir artigos para revistas científicas dentro da área do curso escolhido. 

Veja como funciona um curso de mestrado: 

- Mestrado profissionalizante

É um curso menos teórico e voltado para o mercado de trabalho. No entanto, tem disciplinas mais aprofundadas do que um curso de graduação. Nessa formação, você precisará apresentar uma dissertação em forma de projeto ou estudo de caso ao final do curso. 

O mestrado profissionalizante estimula a formação e deixa um pouco de lado a carreira acadêmica, além de apresentar atividades voltadas à capacitação profissional. Dessa forma, o curso contribui para o aperfeiçoamento da gestão pública e privada, dependendo da sua área de interesse.

- Mestrado acadêmico

É um curso basicamente teórico e voltado para quem deseja uma carreira acadêmica, atuando depois como professor ou pesquisador. No entanto, o principal diferencial para ingressar em um mestrado acadêmico é a necessidade de dominar por completo um segundo idioma, normalmente o inglês. Ao final do curso, também será é necessário apresentar uma dissertação.

A Universidade Estácio de Sá, por exemplo, oferece cinco opções de cursos de mestrado, sendo que três são de cursos de mestrado acadêmico (Direito, Educação e Odontologia) e duas de mestrados profissionais (Administração e Desenvolvimento Empresarial e Saúde da Família). 

Conheça um pouco mais sobre cada uma dessas opções:  

- Administração e Desenvolvimento Empresarial: tem como missão produzir conhecimento e qualificar profissionais em gestão empresarial para atuação em docência, pesquisa e prática de negócios, estimulando uma consciência crítica que possa contribuir para o desenvolvimento científico, tecnológico, cultural e social do País.

- Educação: curso formatado para contribuir para o desenvolvimento de teorias que possibilitem uma visão inovadora e crítica da educação brasileira, além de estimular soluções para os problemas educacionais em suas articulações com as questões socioculturais contemporâneas. O curso ainda ensina a produzir estudos e pesquisas sobre problemas que atravessam as instituições escolares e outras instâncias de transmissão de conhecimentos e valores.

 - Saúde da Família: mestrado que se propõe a formar profissionais com capacidade de desenvolver programas de ensino-aprendizagem em cursos de graduação e pós-graduação lato sensu em Medicina, Enfermagem, Odontologia, Farmácia e em outras profissões da saúde e das ciências sociais, sempre de acordo com as demandas do mercado de trabalho e com as políticas públicas.

- Direito: desenvolvido para incentivar a pesquisa jurídica, os estudos dogmáticos e interdisciplinares com outros saberes como base formativa do conhecimento jurídico crítico, o curso também visa formar pesquisadores em condições de compreender o sistema jurídico no seu entrelaçamento com a realidade circundante, especialmente com outros ramos do conhecimento. O mestrado ajuda ainda a formar professores capazes de compreender e, assim, problematizar o fenômeno jurídico nas suas várias dimensões de modo a capacitá-los a buscar soluções para os desafios que se apresentam nessa área.

- Odontologia: voltado à formação de profissionais qualificados tecnicamente e conscientes da necessidade da inserção social da odontologia, bem como ao preparo de docentes com mentalidade inovadora e capacitados a exercer o magistério do ensino superior e a desenvolver projetos de pesquisa relevantes para a odontologia clínica.

Quer saber mais sobre como seguir uma carreira acadêmica e se desenvolver no mercado de trabalho? Então confira outros conteúdos do blog da Estácio